22 de fev de 2010

Verdão vence o clássico na estreia de Antônio Carlos

Nos dias que antecederam o jogo contra o São Paulo ontem à tarde no Palestra Itália, o Palmeiras passou por momentos conturbados. Falava-se em crise, Muricy Ramalho foi demitido do cargo, brigas internas entre dirigentes e a contratação de um novo comandante para a equipe alvi-verde.

Roberto Carlos foi contratado junto ao São Caetano como uma aposta. Assim como foi Dunga na seleção, Andrade no Flamengo, entre outros exemplos. Exemplos esses que deram certo, que os bons resultados apareceram, mesmo ocorrendo pequenos deslizes acompanhados de desconfiança e críticas.

O novo técnico do Verdão teve apenas dois dias para treinar a sua equipe. Tempo suficiente para fazer pequenas modificações no time que vinha atuando.

Coicidência ou não, deu certo. Lenny entrou como titular e Diego Souza jogou em sua posição de origem, no meio de campo.

O Palmeiras era superior no momento em que o zagueiro Xandão foi expulso, após receber o 2º cartão amarelo.

Robert que não tinha nada a ver com isso, aproveitou rapidinho a desvantagem do São Paulo e abriu o placar de cabeça, após receber mais uma assistência de Cleiton Xavier.

Com o controle absoluto da partida, o Palmeiras ampliou o resultado. De novo ele, Robert, e de novo, de cabeça.

Uma vitória convincente que aliviou a tensão da estreia de Antônio Carlos, e principalmente espantou uma crise que ameaçava o Palmeiras.

Fora o espetáculo dentro do campo de jogo, as notícias que tomaram conta dos meios de comunicação hoje, foi a morte de um torcedor do São Paulo, além de feridos por causa de brigas entre as duas torcidas. Lamentável!

Além do problema de saúde do técnico Ricardo Gomes, após o jogo, que a princípio foi só um susto. O comandante do Tricolor já está recebendo visitas e não corre risco de vida, nem de sequelas. Ricardo se sentiu mal e sofreu um AVC. A previsão é que o treinador volte ao trabalho em 2 semanas.

19 de fev de 2010

Santos Dá Show Na Vila - São Paulo Vence de Virada

A torcida do Santos viu as redes balançar 9 vezes ontem na Vila Belmiro. 6 ao seu favor, e evidentemente, 3 do adversário, o Bragantino.

A façanha comandada por Robinho, que voltou a jogar no estádio no qual foi revelado para o futebol, garantiu a 1ª colocação da equipe no Paulistão, agora com 4 pontos de vantagem sobre o vice-líder Botafogo.

Apesar da goleada, o Santos quase que foi surpreendido pela equipe do interior. Após abrir 4 a o de vantagem, no 2º tempo o Bragantino encostou no placar, que marcava 5 a 3. Além de estar chegando mais vezes ao ataque, criando e desperdiçando alguns lances claros de gol.

Porém, no final do jogo, Zé Eduardo pois números finais no marcador, liquidando de uma vez por todas a provável reação do Bragantino.

Tricolor Vence Mais Uma

Após sair em desvantagem no placar, o São Paulo soube aproveitar da qualidade de seu elenco e de estar jogando em casa, para reverter o resultado.

Fez 3 a 1 em cima do Barueri, com gols de Washington, Marcelinho Paraíba e do garoto Henrique já no finalzinho da partida.

A vitória faz com que o time de Ricardo Gomes chegue no clássico de domingo empolgado, justamente o contrário do rival Palmeiras, que passa por um mal momento.

Resultado também que levou o Tricolor a ficar bem perto do G4. Falta apenas 1 ponto para entrar na zona de classificação para às semi-finais.

Forte Abraço a Todos!!!

18 de fev de 2010

Muricy Não é Mais o Técnico do Palmeiras

Após duas reuniões ocorridas a pouco entre dirigentes e conselheiros do clube com o presidente Luiz Gonzaga Belluzzo, ficou decidido que Muricy Ramalho não será mais o comandante da equipe alvi-verde.

Foram apenas 6 meses de trabalho. Apesar do pouco tempo, o treinador enfrentou diversas situações atípicas. Assumiu a equipe na liderança do Brasileiro do ano passado, chegou a estar com 10 pontos de vantagem sobre o 2º colocado. Porém, viu sua equipe cair de rendimento e encerrar o nacional sem ao menos uma vaga na Libertadores deste ano.

Apesar do excelente histórico do treinador, a verdade é que ele não realizou nem um terço da sua capacidade sob o comando do Palmeiras.

Mesmo encerrando 2009 com um desempenho ruim, o tri campeão brasileiro foi mantido no cargo.

Aí está o motivo que me leva a pensar em uma atitude errada da diretoria palmeirense. Todos sabem da capacidade de Muricy, no entanto, o treinador não tinha em suas mãos um elenco de qualidade. Se um jogador importante precisa ficar de fora de alguma partida, não tem nenhuma peça de reposição, portanto, o treinador não poderia fazer milagres.

Se a diretoria optou por manter o treinador em 2010, é porque confiava em seu projeto e sobretudo, estava ciente das limitações do elenco. Já que também fez poucas contratações, que por sinal, não surtiram grandes efeitos. Está claro que o maior problema do Palmeiras é a falta de jogadores, principalmente atacantes. Os que lá estão não conseguem manter uma boa média de gols, exceto Diego Souza. Portanto, Muricy, na minha opinião, é o menos culpado dessa fase ruim do Palmeiras. Acredito que com o tempo ele iria conseguir acertar esse limitado elenco.

Além do mais, o time está sem confiança, com baixa autoestima, e essa demissão agora, abala emocionalmente ainda mais os jogadores, as vésperas de um clássico importante contra o São Paulo no domingo. A diretoria poderia esperar, pelo menos, essa partida para tomar uma decisão tão séria. Agora eu quero só ver quem será contratado, se o novo treinador terá mais capacidade que Muricy para tirar o Verdão desta situação.

Em 34 jogos à frente do Palmeiras, foram 13 vitórias, 11 empates e 10 derrotas. Um desempenho medíocre para um treinador de tanta qualidade.

Forte Abraço a Todos!!!

Corinthians Se Garante No G4 e Palmeiras Decepciona Em Casa

Fora de casa, a equipe do técnico Mano Menezes venceu o Mogi Mirim sem nenhuma dificuldade.

O Timão foi a campo sem a sua principal formação, isso porque, o capitão William e o atacante, Ronaldo, foram poupados. Porém, quem entrou, deu conta do recado. Principalmente Souza, que vestindo a camisa 9 do Fenômeno, marcou 2 dos 3 gols corinthiano, Chicão completou o placar.

O Corinthians ontem deu sinais de que está alcançando o entrosamento adequado. O meio de campo formado inicialmente por Ralf, Elias, Theco e Morais funcionou bem, fazendo com que o Timão tivesse o controle durante toda a partida. Jorge Henrique, mais uma vez, fez uma boa atuação. Ao lado de Souza no ataque, o jogador sempre voltava para buscar o jogo, o que ajudou, e muito, para a bola chegar à frente com mais frequência.

A vitória fez o Corinthians encostar no topo da tabela e garantir uma vaga no G4 nesta 9ª rodada do campeoanto paulista.


Desastre Alvi-Verde no Palestra Italia

O Palmeiras entrou em campo precisando vencer para espantar uma possível crise que, até então, só ameaçava o clube.

Aconteceu justamente o contrário. O São Caetano aplicou uma goleada sobre os donos da casa. 4 a 1 fora o show de bola.

Nem mesmo o mais pessimista, entre os pouco mais de 3.000 torcedores que estiveram no estádio, previa uma derrota como essa.

A equipe do Palmeiras não se encontrou dentro de campo. Pior que não tem nem a desculpa que estava desfalcado, pois entrou com os seus principais jogadores.

Contudo, nada está perdido. Restam ainda 10 rodadas para o time de Muricy Ramalho se acertar e conquistar uma vaga para a 2ª fase do estadual.

Fato que não deve ser muito difícil de se conseguir. A base da equipe é a mesma que fez uma boa campanha no Brasileiro do ano passado. Com a provável chegada do atacante Ewerthon, é bem capaz que a deficiência do ataque em marcar gols, seja corrijida, já que essa é a principal característica do jogador.

Domingo é o dia que o Palmeiras pode reconquistar a confiança e sobretudo a autoestima. Enfrentará o rival São Paulo. Uma vitória fará o torcedor esquecer a vergonha de ontem, por outro lado, uma derrota pode custar até mesmo o cargo de Muricy.

Forte Abraço a Todos!!!

11 de fev de 2010

Quarta-feira Movimentada

Ontem à noite a bola rolou em tudo quanto é canto do país. Foi o dia que marcou o início da Copa Libertadores e da Copa do Brasil.

Pela competição sul-americana, o São Paulo entrou em campo para enfrentar o Monterrey do México. Washington brilhou, marcando os dois gols da vitória do Tricolor em cima da equipe do ex jogador do Barueri, Val Baiano, que por sinal, não jogou absolutamente nada. Mostrou estar fora de forma. Não era para menos, desde a última rodada do Brasileiro de 2009 que o jogador não entrava em campo.

Outro que chamou a atenção foi o lateral Cicinho. O jogador mau chegou e já reestreou com a camisa do São Paulo, entrou no 2º tempo, arrancando gritos de felicidade das arquibancadas. Cicinho venho por empréstimo, e aceitou receber um salário de 200 mil reais, cerca de 500 mil a menos do que recebia no Roma.

Apesar do placar de 2 a 0, a equipe de Ricardo Gomes não jogou tão bem. Teve trabalho para vencer os reservas do Monterrey. O importante mesmo foi somar 3 pontos, o que acaba aliviando à tensão que é jogar a Libertadores. A vitória da tranquilidade para o grupo trabalhar visando os próximos compromissos.



Pelo campeonato que dá direito ao campeão uma vaga na Libertadores, o Palmeiras suou para bater o Flamengo do Piauí fora de casa.

Com um gol sofrido de Diego Souza, o Verdão não atingiu o seu principal objetivo que era anular o jogo de volta, para isso, teria que vencer por no mínimo 2 gols de diferença.

No próximo dia 25, no Palestra Itália, acontece o jogo de volta.


Na Baixada Santista, quem se movimentou ontem, foram os cartolas. O empresário de Neymar, Vágner Ribeiro, acertou um novo contrato com o Santos, no qual, o jovem atleta passa a receber um salário de 160 mil reais mensais. A multa rescisória também aumentou, foi de 30, para 35 milhões de euros.

Forte Abraço a Todos!!!

8 de fev de 2010

Ta Virando Rotina

Estou com a impressão de que sempre escrevo a mesma coisa. É impressionante. Ontem no clássico da rodada, Neymar, desta vez com a ajuda de Robinho, mais uma vez desequilibrou a partida.

O camisa 17 do Santos deixou o goleiro Rogério Ceni irritado. Graças a paradinha que "matou" o capitão do Tricolor no pênalti convertido por ele. O camisa 1 do São Paulo caiu sentado e só lhe restou ver a bola estufando sua rede.

Em entrevista, Rogério Ceni de forma respeitosa, vamos dizer assim, deixou transparecer a indignação por ter sofrido o gol, afirmando que deveria ser proibido a tal da paradinha no Brasil. O interessante é que ele já utilizou algumas vezes o método, e nas ocasiões, não fez nenhuma reclamação.

Neymar dividiu as atenções com Robinho. Após quase 5 anos, o rei das pedaladas entrou em campo novamente com a camisa do Santos. O ídolo do Peixe entrou aos 12 minutos da 2ª etapa. Tempo suficiente para mostrar que não esqueceu de como se apresenta um bom futebol.

No momento em que o jogo estava empatado, Robinho apareceu para fazer o gol da vitória. E que gol! O atacante aproveitou o cruzamento, e de letra colocou no fundo do gol. Um golaço!

A dupla Neymar e Robinho tem tudo para dar certo. Robinho está motivado, se sentindo em casa, onde as pessoas dão a ele o valor que merece. Fora isso, sabe que precisa jogar bem para garantir sua vaga na África do Sul. Neymar provou que não é mais o garotinho do ano passado. Está jogando com personalidade, chamando a responsabilidade para si, é ponto de referência no ataque do Santos. Se manter esse alto nível, pode sim fazer com que Dunga dê uma chance de também disputar o mundial.

O fato é que o Santos permanece na liderança e é disparado o melhor time do Campeonato Paulista no momento.

Forte Abraço a Todos!!!

5 de fev de 2010

Neymar Brilha e o Santos Assume a Ponta

O aniversariante do dia, Neymar, que completa 18 anos hoje, ontem foi o protagonista, mais uma vez, da vitória do Santos em cima do, até então, invicto, Santo André, em pleno Ramalhão.

Depois de hoje, o garoto não é mais garoto, se tornou um homem de verdade. Sobretudo pelo futebol que vem apresentando nesse início de temporada, que realmente, é um futebol de gente grande.

A jovem promessa santista teve participação concreta nos dois gols do Peixe na vitória de 2 a 1 contra o Santo André.

Neymar fez 1 a 0 com um belíssimo gol, uma pintura para falar a verdade. Deixou metade da zaga adversária para atrás antes de colocar no fundo da rede.

No gol da vitória, após outra bela jogada, Neymar deixou Paulo Henrique Ganso na cara do gol, que com um lindo toque por cima do goleiro Júlio César decretou a vitória santista que deu a 1ª colocação para a equipe de Vila Belmiro.

A expectativa agora é para a estreia de Robinho, que deve acontecer domingo, no clássico diante do São Paulo na Arena Barueri.

Tem tudo para ser um grande jogo. O técnico Ricardo Gomes já revelou que irá colocar em campo o que tem de melhor do enchado elenco tricolor. O Santos é a equipe que apresenta o melhor futebol até aqui.

Eu é que não vou querer perder esse jogão!!!!!!!

Forte Abraço a Todos!!!

4 de fev de 2010

Sobre Poças D´água, Verdão e Lusa Empatam

Em um horário, no qual, os torcedores não estão adaptados a frequentar o estádio em plena quinta-feira, Palmeiras e Portuguesa se enfrentaram no Palestra Itália, às 17:00.

Com as constantes chuvas que assolam a cidade de São Paulo, e hoje não foi diferente, já é o 44º dia seguido de temporais, o gramado do Palestra mais parecia uma piscina.

Evidente que isso torna o jogo mais duro, até mais difícil para a prática de futebol dos atletas, que já não é tão boa, diga-se de passagem.

A Lusa saiu na frente com Luiz Carlos, aos 31 minutos da etapa inicial. E como os atacantes do Palmeiras não estão dando conta do recado, o zagueiro Danilo teve de ir ao ataque para empatar a partida. E foi só.

Agora a Mancha Verde deveria protestar contra si mesma. É verdade, foram os integrantes da torcida os culpados pela saída de Vagner Love, que agora brilha no Flamengo.

Para ajudar ainda mais, a contratação do atacante Ewerthon, ex-Corinthians, está cada dia mais complicada. Isso porque o Zaragoza não tem a intenção de liberar o jogador.

Resta assim, para Muricy se virar com o que tem no elenco. Robert é o único em atividade. Hora Diego Souza, hora Joãozinho são improvisados como segunda opção no ataque. Daniel que veio das categorias de base, ainda não mostrou porque foi promovido. Lenny entrou hoje, mas pelo jeito não está 100% recuperado da contusão que sofreu no Brasileiro do ano passado.

Hoje, Cleiton Xavier cumpriu suspensão automática, e como já era esperado, fez muita falta no meio de campo do Palmeiras.

Apesar das lágrimas de Armero no dia do jogo contra o Corinthians, hoje o lateral colombiano voltou a falhar. No lance, a Lusa fez o gol.

A boa notícia é que o meia Deivyd Saconni quiz copiar o Kléber do Cruzeiro. Já havia sido anunciado a sua tranferência para o futebol francês, que acabou não dando certo e o jogador retornou para o time, mas hoje também não conseguiu ajudar o Palmeiras a conquistar uma vitória.

O resultado ficou ruim para as duas equipes, que perderam a chance de entrar, ou pelo menos, se aproximar do G4.

Forte Abraço a Todos!!!

Como Já Dizia o Ditado... O Mundo Dá Voltas!!!!

Finazzi foi o nome do jogo entre Corinthians e Ponte Petra na noite de ontem em Campinas. O bom e velho atacante, bem conhecido pela torcida corinthiana, entrou no decorrer da partida, sofreu um pênalti, que resultou no gol de empate da Macaca. Em seguida aproveitou um cruzamento da esquerda e meio desengonçado, como de costume, virou o placar a favor dos donos da casa.

O curioso dessa história, é que Finazzi saiu rejeitado por Mano Menezes da equipe alvi negra.

E quem diria, tempos depois, o atacante, agora jogando pela Ponte, foi o grande responsável por colocar um fim na invencibilidade corinthiana que já durava 28 partidas em Campeonatos Paulista, impossibilitando o Timão de alcançar alguns recordes na história do regional.

Pois é... Finazzi comprovou que o ditado escrito no título, é verdadeiro!

SOBRE A PARTIDA

Foi um jogo muito ruim, com raros lances de efeito, as duas equipes apresentaram péssima qualidade no toque de bola, poucas jogadas criadas, não sei qual time apresentou o pior futebol.

Talvez o resultado mais justo seria 0 a 0, no entanto, os três gols da partida saíram de falhas dos jogadores.

Jucilei bateu bem, forte, de fora da área, porém, era uma bola bem defensável que o goleirão acabou aceitando.

No empate da Ponte, Escudero cometeu um pênalti quem nem a minha Avó (que Deus a tenha) faria. Depois, ainda reclamou com o técnico Mano porque foi substituído. É um brincalhão!!!!

No lance da virada, o capitão William deu bobeira em deixar a bola passar, e artilheiro quando recebe sozinho dentro da área, não perdoa, Finazzi, colocou para dentro, em uma bola não muito difícil para que o goleiro Felipe fizesse a defesa.

Em Campinas foi isso...

Já na Arena Barueri, o Tricolor com o seu time principal, considerado o titular para a Libertadores, atropelou o São Caetano. 3 a 0 jogando fácil, tranquilo, mostrando que tem muita capacidade de chegar longe, tanto no Paulista, como na Libertadores. Aliás, para mim, o time de Ricardo Gomes será o clube brasileiro que chegará mais longe, com grande chance de ser campeão do principal torneio sul-americano.

Forte Abraço a Todos!!!

2 de fev de 2010

Muricy se revolta com comentários da imprensa

Ontem a noite, no programa Bem Amigos do SporTV, o técnico do Palmeiras, Muricy Ramalho, fez um desabafo em relação aos comentários de Tiago e Caio no Globo Esporte.

Segundo o técnico alvi-verde o apresentador e o comentarista pegaram pesado nos comentários sobre a derrota de 1X0 para o Corinthians no último domingo, e afirmou que a imprensa em geral só da valor ao resultado final da partida, quando deveria fazer uma análise do que realmente foi o jogo.

Muricy sitou o exemplo do jogo contra o Monte Azul, onde o Palmeiras venceu por 1 a 0com um gol de pênalti. Segundo ele o jogo foi horrível, mas como o time venceu ninguém precisou criticar. Já no clássico de domingo, a equipe do Palmeiras jogou bem, criou boas chances de gol, mas não conseguiu finalizar e que o jogo foi decidido por detalhes.

No programa comandado por Galvão Bueno, o comentarista Caio insistiu em dizer que o Corinthians havia jogado melhor, no mesmo momento em que se passava no telão os lances da partida, que por sinal, só tinha lances de ataque do Palmeiras. Até os outros comentaristas presentes no programa "tiraram um barato" de Caio, dizendo que realmente o Muricy tinha razão.

E de fato o comandante do Verdão estava com a razão, pois o Palmeiras foi superior o jogo inteiro, teve 70% da posse de bola, chegou por diversas vezes ao gol de Felipe, que estava em um ótimo dia e graças a ele o jogo não teve outro resultado.

Forte Abraço a Todos!!!