15 de ago de 2010

Timão cai na Ressacada


Não é muito difícil definir a derrota do Corinthians hoje contra o Avaí. Simples, o time jogou mal e o placar foi justo.
Adílson escalou sua equipe com três volantes. Ralf, Jucilei e Elias. Os três, aliás, só jogaram no primeiro tempo. O último, se quer, quase não tocou na bola na etapa complementar. Senti falta de um meia mais ofensivo para trabalhar junto com Bruno César.

Pouco vi Roberto Carlos chegar ao ataque pela esquerda.

O Corinthians teve que tomar um gol para entrar na partida. Depois que já estava em desvantagem no placar começou a chegar mais no ataque. Bruno César aproveitou a falha da zaga adversária e marcou pela sétima vez no Brasileirão.

Beleza, na volta do intervalo, tudo igual.

Só que, não deu nem tempo da rapaziada ir ao banheiro direito, dar aquela espreguiçada, que o Avaí já estava novamente em vantagem. Desta vez, Chicão fez contra.

No decorrer da partida, a equipe do Parque São Jorge não mostrou poder de reação. Pouco tempo depois os donos da casa ampliaram o resultado.

Adílson Batista fez algumas alterações, Defederico até que entrou bem. Só que foi Bruno César, de novo, quem guardou mais um para sua coleção. O goleirão Renan, presente na primeira lista de Mano Menezes, tomou um frangaço, diga-se de passagem.

O Timão cresceu no jogo. Colocou a bola no chão e criou algumas chances. Mas o Avaí, no entanto, segurou a vitória até o apito final.

Avaí 3, Corinthians 2.

Nenhum comentário:

Postar um comentário