8 de jul de 2010

A Copa do Mundo foi boa enquanto durou




Embarcaram na África do Sul 32 seleções com o objetivo principal de chegar à final da maior competição de futebol do planeta.

Algumas já cientes de que era apenas um sonho muito distante, outras que acreditavam, mas decepcionaram. É o caso da Itália, por exemplo, caiu ainda na primeira fase. A Inglaterra, meio que aos trancos e barrancos chegou até as oitavas, mas com um futebol longe daquilo que o mundo esperava.

A América do Sul chegou as quartas bem representada. De Brasil, Uruguai, Paraguai e Argentina, apenas a seleção celeste avançou em uma partida, que considero a mais emocionante dessa Copa. Foi por pouco que Gana não se tornou a primeira seleção africana a chegar numa semi-final.

Restaram quatro. Uruguai e Alemanha disputarão o terceiro lugar.

Holanda e Espanha já fizeram história nesse Mundial. Uma das duas será a oitava seleção com o privilégio de erguer a taça. Uma das duas será a primeira seleção européia que vence o torneio fora de seu continente.

Essa 19ª edição já está deixando saudades. No domingo será a grande final. Meu palpite é que David Villa e companhia levarão o troféu para as terras espanholas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário