26 de out de 2009

DETALHE

A palavra que está no título, aparentemente não tem nada a ver com o futebol ou menos ainda com o Campeonato Brasileiro. Pois é justamente o contrário, essa é a palavra mais importante na reta final da competição. É justamente o detalhe que vai determinar o grande campeão deste disputado Brasileirão, como já é ele que vem definindo os resultados nos últimos jogos.

É impressionante como uma vitória altera completamente o ambiente de um clube. Estou falando do São Paulo, que venceu o emocionante clássico na Vila contra o Santos, e aquele papo de que ficou mais difícil chegar ao título, que a bola não estava entrando, simplesmente cai no esquecimento tanto da torcida, como da imprensa. Nesta segunda-feira só se ouve falar que o São Paulo será campeão, porque foi da mesma maneira do ano passado, quando assumiu a ponta da tabela restando 5 rodadas. De fato o Tricolor é um forte candidato, ainda mais agora que a diferença para o ainda líder Palmeiras caiu para 2 pontos. É interessante como os resultados ruins de rodadas anteriores nem são comentados e aquela possível fase ruim, essas horas já está bem longe do Morumbi.

Essa é outra história que comprova a emoção deste campeonato e que ainda muitas surpresas estão para acontecer. Não adiante ninguém prever nada, falando que tal time será o campeão, ou que esse ou aquele se classificará para a Libertadores. Basta analisar friamente a situação do São Paulo, por exemplo. Se for ver, entre os 4 primeiros, é a equipe que perdeu mais posições, era o vice-líder a algumas rodadas atrás e hoje é o quarto. No entanto, conquistou uma vitória na 31ª rodada que lhe trouxe de volta a moral e a confiança para seguir firme na disputa dos próximos jogos. O Flamengo que nem chegou ao G4, hoje é mais candidato ao título, do que o próprio líder. Só que se derrepente na próxima rodada o Palmeiras vence e essas duas equipes tropeçam, o discurso será totalmente diferente. O Palmeiras se encontra em uma péssima situação, igual a que era do São Paulo, antes de vencer o Santos, que nos permite dizer que nem para a Libertadores o Verdão vai se classificar, quanto mais para ganhar o título.

Sobre o clássico na Vila Belmiro, o São Paulo está de parabéns. Foi uma vitória brilhante, provando, que, com o Tricolor não se brinca e muito menos se duvida.
O Santos esteve em vantagem duas vezes no marcador, mas não teve a capacidade de segurar o resultado. O goleiro Felipe falhou feio no gol do Washington e do Rogério Ceni, portanto, foi o grande responsável pela derrota do Peixe.
Em relação a arbitragem do Carlos Eugenio Simon, que gerou polêmica em vários lances da partida, na minha opinião ele só errou em marcar a falta que depois o Rogério marcou o 4º gol.

O Corinthians perdeu mais uma em casa, mostrando que realmente está com a cabeça em 2010. Não sei até que ponto isso é vantajoso.

CONTAGEM REGRESSIVA: FALTAM 7 RODADAS

CLASSIFICAÇÃO/PONTOS:

Palmeiras 54
2º Atlético-MG 53
3º Internacional 52
São Paulo 52

Forte Abraço a Todos!!!!!!!!!!!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário